imagem_aoutravoz_jpg.jpg

Partido Socialista suspende militantes.

Categoria: Opinioes Publicado em quinta, 07 abril 2016, 19:45

PSA Comissão Nacional do Partido Socialista, na sua reunião de segunda-feira passada, ratificou a decisão do Secretariado Nacional da suspensão, a título preventivo, de 16 pessoas filiadas no partido, alegadamente filiados de forma fraudulenta na Federação de Coimbra.

A investigação deste caso por parte do Ministério Público foi desencadeada por Cristina Martins, ex-líder da Secção do PS/Sé Nova, que apresentou, junto desta entidade, a respetiva queixa.

Muito pressionada para desistir da denuncia apresentada, quer interna quer externamente ao Partido, Cristina Martins não desistiu de lutar pelos valores mais básicos da democracia, tentando com esta sua atitude trazer a tão desejada credibilidade Partidária.

A Polícia Judiciária, fruto das múltiplas inquirições feitas, concluiu pela existência de diversas irregularidades, que vão desde a falsificação de assinaturas de potenciais militantes do PS e respetivas moradas, a par da viciação de assinaturas de proponentes, bem como ao alegado pagamento massivo de quotas efetuados pelos chamados inimigos da democracia que, como se constata, se passeiam dentro de vários Partidos, de Norte a Sul de Portugal.

Com esta decisão proferida pelos órgãos Nacionais do Partido Socialista, que se espera que incentive todos aqueles que têm conhecimento deste tipo de situações, nomeadamente do pagamento indevido das quotas – donde virá esse dinheiro? – bem como dos “almoços grátis” que também se pagam um pouco por todo o País, da esquerda à direita, foi possível adiar a eleição do presidente da Federação de Coimbra do PS, ao mesmo tempo que levou a que Rui Duarte, ex-Deputado nacional, e André Oliveira se viessem a desvincular do Partido, horas antes da Reunião da Comissão Nacional.

Mas, o que é mais importante levou a que os principais órgãos de comunicação social do País, em particular as televisões, falassem do caso, identificando alguns dos infratores.

Por outro lado, poderá ser que faça com que aqueles que permitem que brinquem com a sua dignidade pessoal, tenham vergonha e aprendam a saber dizer não, denunciando os infratores.